Horários das aulas reduzidos foi para não prejudicar alunos: Disse secretário de educação

genildotvcmn@gmail.com | 09:22:00 | 0 comentários


O secretário municipal de educação Deusimar Macedo, em uma entrevista a TV CMN na tarde desta terça-feira (7), esclareceu que o atraso do início das aulas deu por conta de um problema devido a convocação dos funcionários temporário junto ao Tribunal de Contas dos Municípios (TCM), segundo Deusimar, o processo seletivo no qual mais de 100 funcionários temporários seriam contratados deveria ter sido homologado pelo o TCM, como isso não aconteceu, o tribunal resolveu cancelar o processo, para que os alunos não fossem prejudicados o secretário então teria compactado os horários. O secretário disse que ainda esta semana as aulas volta ao normal, inclusive o atendimento as crianças das creches.

Perguntamos ao secretário sobre a merenda escolar. A TV CMN repassou ao secretário algumas perguntas de internautas sobre a merenda onde algumas escolas estavam servindo apenas “Biscoitos e suco”. O secretário respondeu que isso estava acontecendo justamente devido a falta de funcionários da área de alimentação escolar para fazer a merenda. Segundo o secretário, sai muito mais em conta servir comida de qualidade para as crianças como arroz, feijão e carne do que biscoitos e sucos e que também esta semana o problema da merenda estaria normalizado. Ele lembrou ainda que a questão da merenda não aconteceu em todas as escolas e sim em apenas algumas.


O secretário Deusimar Macedo disse ainda que a seleção dos novos funcionários já teria sido homologado pelo o TCM. Pergunto ao mesmo porque não convocar os concursados, já que  muita gente esperando ser chamado o secretário respondeu. ” Essa seleção é para aqueles funcionários temporários que vão apenas preencher a vaga daqueles funcionários que estão de licença prévia, licença maternidade ou funcionários com atestado médico”, disse. O secretário disse ainda que não iria chamar nenhum concursado devido a falta de vaga e de dinheiro, segundo ele, a prefeitura não teria como arcar com as despesas desses funcionários, segundo o secretário de educação foram abertas 120 vagas temporárias.
Aproveitando o momento da entrevista, o secretário disse que para a educação fundamental do município estão vindo muitas novidades como, a reabertura dos laboratórios de informáticas nas escolas.
Hoje, o município tem mais de 21 mil alunos na rede municipal de ensino  segundo Deusimar, professores concursados hoje somam 910, a vinda de mais crianças para rede pública deu-se por conta da crise financeira que atingiu o país e que investimentos na educação estão sendo feitos para atender mais alunos que segundo ele chegam o tempo todo e durante todo ano.
Deusimar disse ainda que arrecadação este ano teve uma queda, o valor que será  repassado pelo o  Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica (FUNDEB) este ano deve ser de R$ 73 milhões de reais, esse dinheiro, é enviado ao município em três parcelas mensais as quais ocorrem nos dias 5, 20 e 30 e segundo o secretário, o dinheiro em sua grande maioria é para pagar as folhas de pagamentos de funcionários e alguns reparos.
















Categoria:

Espalhe por aí

0 comentários