Quebra-molas irregulares causam transtorno e prejuízo em Águas Lindas de Goiás

genildotvcmn@gmail.com | 10:46:00 | 0 comentários

Os motoristas de Águas Lindas de Goiás enfrentam um festival de quebra-molas construídos sem nenhum planejamento. Em vez de evitar acidentes, eles aumentam o risco e os prejuízos para quem tem carro e motos.
Quando menos espera, o motorista é surpreendido por um quebra-molas.
Em Águas Lindas de Goiás, muitos quebra-molas são feitos pelos moradores – altos demais ou estreitos demais. E quase sempre com o comprimento inadequado.
“A gente no maior sacrifício para comprar um carro e esse quebra-molas tão altos dessa forma só faz danificar a estrutura todinha do carro”, reclama o estudante Rafael Oliveira Gomes.

O Conselho Nacional de Trânsito proíbe a construção de quebra-molas em ladeira, curva e em ruas não asfaltadas. Apenas os órgãos oficiais de trânsito têm autorização para instalar as lombadas, que seguem um padrão de acordo com a velocidade permitida no trecho.
O quebra-molas deve ter entre seis e dez centímetros de altura, tem que ser pintado de amarelo e sinalizado.


Por enquanto, só os donos de oficinas não reclamam. Em uma delas, 30% dos consertos são provocados por quebra-molas.
“A gente acaba lucrando. E, infelizmente, por uma má administração nas estradas e vias de nossa cidade”, diz o dono de uma oficina na cidade.
O vereador Evandro do Rainha da Paz, em sessão ordinária desta sexta–feira(17) exigiu da casa que os vereadores pressione o governo para cumprir o requerimento aprovado ano passado, apresentado por ele onde pede a padronização dos quebra-molas da cidade. Segundo o parlamentar, existe centenas de lombadas com tamanhos que não dão condições nenhuma de trafegar com o veículo. Muitos desses quebra-molas são até inconstitucionais, tirando o direito de ir e vir de muita gente.
“Sabemos que o quebra-molas tem que ser precedido de estudo técnico para que o local onde ele seja implantado não ofereça riscos à população, pelo contrário, que ele venha a evitar os acidentes”, afirma a o vereador Evandro. Evandro disse ainda que foi muito cobrado pelos os policiais que reclamam dos quebra-molas e que isso prejudica o atendimento a população e também os bombeiros e o pessoal do SAMU, que precisa de pressa para o atendimento.


























Categoria: , , ,

Espalhe por aí

0 comentários